O Parque

Situado nos municípios de Mogi das Cruzes e Bertioga, em São Paulo, o Parque das Neblinas, reserva privada da Suzano Papel e Celulose, gerida pelo Instituto Ecofuturo, cumpre um importante papel na conservação dos recursos naturais da Serra do Mar paulista, contribuindo para a proteção do maior contínuo de Mata Atlântica do Brasil, o Parque Estadual da Serra do Mar e a Serra de Paranapiacaba. Seu acesso se dá pelo distrito de Taiaçupeba, no município de Mogi das Cruzes.

Ao longo de mais de uma década de atividades, o Parque desenvolve ações que reforçam sua vocação para a conservação da biodiversidade e a promoção do desenvolvimento sustentável, além de contribuir com conhecimento científico e tradicional sobre a Mata Atlântica. Por esses motivos, é reconhecido como Posto Avançado da Reserva da Biosfera do Cinturão Verde da Cidade de São Paulo, pelo Programa Homem e Biosfera, da UNESCO.

Com 6 mil hectares, o Parque conserva a bacia do rio Itatinga e promove pesquisa científica, manejo florestal, educação socioambiental, proteção da biodiversidade, restauração da Mata Atlântica e visitação.

• Equipe local de monitores e guarda-parques.
• 1.253 espécies da biodiversidade identificadas e 58 pesquisas científicas realizadas.
• 36 mil visitantes.
• 3.900 alunos e 110 educadores envolvidos no programa de Educação Socioambiental.
• Semeadura de mais de 6 milhões de sementes da palmeira Juçara, considerada vital para o equilíbrio da Mata Atlântica, e realização de oficinas de manejo com proprietários rurais do entorno.
• 900 participantes nas Oficinas de Manejo Comunitário, destinadas a proprietários rurais do entorno.
• Alimentação contempla receitas tradicionais, preparadas com ingredientes típicos da Mata Atlântica, como o cambuci e o fruto da palmeira Juçara.